Buscar
  • portalbuglatino

Poesia que entra na nossa vida


Poesia musicada ou dramatizada. Poesia que fica colada à nossa vida. Colada aos momentos dos dias. Fazendo parte de nós, sem ser nossa. Mas parece tanto!!!


1. Poesia indicada pelo Bug Latino


“Oceano”

“Assim que o dia amanheceu

Lá no mar alto da paixão

Dava pra ver o tempo ruir

Cadê você? Que solidão

Esquecera de mim

Enfim, de tudo o que há na terra

Não há nada em lugar nenhum

Que vá crescer sem você chegar

Longe de ti tudo parou

Ninguém sabe o que eu sofri

Amar é um deserto e seus temores

Vida que vai na sela dessas dores

Não sabe voltar, me dá teu calor

Vem me fazer feliz porque eu te amo

Você desagua em mim, e eu, oceano

E esqueço que amar é quase uma dor

Só sei viver se for por você

Enfim, de tudo o que há na terra

Não há nada em lugar nenhum

Que vá crescer sem você chegar

Longe de ti tudo parou

Ninguém sabe o que eu sofri

Amar é um deserto e seus temores

Vida que vai na sela dessas dores

Não sabe voltar, me dá teu calor

Vem me fazer feliz porque eu te amo

Você desagua em mim, e eu, oceano

E esqueço que amar é quase uma dor

Só sei viver se for por você”


Djavan



2. Poesia indicada por Maria Lúcia Levert


“O POEMA”


"O poema me levará no tempo

Quando eu já não for eu

E passarei sozinha

Entre as mãos de quem lê,

O poema alguém o dirá

Às searas

Sem passagem se confundirá

Com o rumor do mar com o passar do vento

O poema habitará

O espaço mais concreto e mais atento,

No ar claro nas tardes transparentes

Suas sílabas redondas

(Ó antigas ó longas

Eternas tardes lisas)

Mesmo que eu morra o poema encontrará

Uma praia onde quebrar as suas ondas,

E entre quatro paredes densas

De funda e devorada solidão

Alguém seu próprio ser confundirá

Com o poema no tempo… "


Sophia de Mello Breyner Andresen


38 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo