Buscar
  • portalbuglatino

Abrir portas em conjunto (ANTV, 2020)

Atualizado: Jul 15


Pense num mundo arrumadinho e muito bem organizado – é o mundo do esporte/desporto. Cada grupo no seu espaço. Convivência, aprendizagem, vida. Alguns, talvez eleitos, sortudos, bolseiros/bolsistas, fazem estágios, cursos, Mestrados, Doutoramentos/ Doutorados, fora do seu país e conhecem de perto experiências de sucesso mundial. Outros, talvez menos sortudos, com menos oportunidades, buscam informações novas no seu grupo, em cursos no seu país, pesquisando, sonhando.


As tecnologias permitem há algum tempo outras formas de comunicação e de acesso à informação – em 1990 os professores universitários americanos já tiravam dúvidas dos alunos por skipe. Porém, nós mantemos hábitos sociais divididos entre territórios permitidos, habituais, confortáveis e territórios ousados, inacessíveis, difíceis, restritos - poucos quebram esse invisível destino que te coloca no lugar guardado para ti/você na vida. Quando alguém o faz, abre um espaço, uma porta, possibilidades para si e para muitos. Isso é muito importante. Importante para as pessoas, para o futuro, para um País. Miguel Maia, João Brenha e seu treinador, o Professor Francisco Fidalgo, abriram uma dessas portas. Um portão, uma autoestrada para o mundo do Voleibol em Portugal. Poucos entenderam o quanto eles fizeram por todos. O quanto devemos agradecer e admirar. Eu tive a sorte de acompanhar de perto alguns momentos do seu percurso de sucesso mundial e digo-vos...o tempo parava e o mundo do esporte/desporto admirava aqueles gênios a jogar, vencer, resolver problemas... Parecia fácil, mas ninguém mais nem se aproximou. Curioso isso, né?


Pandemia...

Milhões de lives, palestras, entrevistas, bate-papo. Todos falando ao mesmo tempo...quase ninguém ouvindo...


Entre os dias 12 de maio e 9 de julho de 2020, a Associação Nacional de Treinadores de Voleibol – ANTV, de Portugal, abriu uma outra porta, uma outra autoestrada, ao realizar a sua sempre valiosa formação anual, desta vez via Web, com o Ciclo Internacional de Formação Online. Esse passo permitiu que o mundo pudesse constatar o nível de profissionalismo, que sempre existiu em tudo que a ANTV se propõe organizar. É uma enorme honra ver alguns dos meus colegas de faculdade fazendo parte da direção. Sei que nossos fantásticos professores do ISEF/FCDEF-UP, agora FADEUP, devem estar orgulhosos, onde estiverem. Todos fomos marcados pelos valores da ética esportiva/desportiva e do espírito olímpico e a eles o devemos. Um dos resultados é a organização exemplar, gentileza no tratamento de todos os profissionais, cumprimento de horários, disponibilidade total, neste ciclo online. Mais de 500 profissionais inscritos, de mais de 15 países. Formadores portugueses e brasileiros de nível muito elevado, partilhando seus conhecimentos, suas experiências. Momentos de aprendizagem muito intensos, muito variados, muito úteis. Num mundo competitivo, onde cada um caminha sozinho, estes momentos são enriquecedores, afinal, todos amamos a mesma modalidade, perseguimos os mesmos objetivos, os mesmos conhecimentos, os mesmos sonhos. Todos aprendemos dos mesmos livros, do mesmo mundo. É a natureza particular de cada um e a regularidade no debate de opiniões que faz a diferença.


Portugueses e brasileiros não se conhecem. Literalmente. Parece que sim, mas..não. 12 milhões de portugueses e 200 milhões de brasileiros, incluem muita diversidade de opiniões, de caráter, de humanidade. O Brasil parece ser um país que te prepara para sobreviver. São muitas pessoas para muito poucas oportunidades. Isso te ensina a ser ativo, a nunca desistir, a manter-te alerta constantemente, a enfrentar adversidades, a ter a coragem de mergulhar na vida, sem temer os riscos, buscando as oportunidades. Em Portugal, a estabilidade e o conforto, podem limitar as ambições se não permanecemos vivos por dentro, procurando os sonhos seja em que idade ou circunstância for. A sensação mental de evoluir, de desequilíbrio constante, caos permanente, insatisfação palpitante, precisa permanecer dentro de nós, se queremos alcançar os nossos sonhos. Sempre oscilando entre alcançar e uma nova busca. O encontro entre os povos de forma online aconteceu e foi belo. Agora, saber usar as portas, as autoestradas que foram abertas é fundamental. Os corações puros e nobres da ANTV saberão fazer isso.


Parabéns aos profissionais da ANTV, parabéns a todos os formadores, parabéns aos inscritos. Um ciclo de formação sensacional. E para quem, como eu, está no Brasil, vi que foi show, foi um sucesso por aqui. Muito orgulhosa de assistir ao sucesso do vosso trabalho do lado de cá.


Pedidos finais:

Quem sabe num próximo ciclo podemos ouvir também especialistas em comunicação profissional e em psicologia e sociologia esportiva/desportiva... De que adianta ter o conhecimento, se não sei comunicar, se tenho uma má dicção, se não sei olhar a câmera? De que adianta ter o conhecimento, se sou racista, ou machista, ou homofóbico, ou desumano, ou vingativo, ou agressivo, sem nem ter noção que o sou?

Ana Santos, professora, treinadora, jornalista



ANTV - Associação Nacional de Treinadores de Voleibol

Facebook

https://www.facebook.com/ANTV.org/

Canal Youtube

https://www.youtube.com/channel/UCAB27xw7kOFJPjulEiRoFAw/videos

Instagram

@antv.voleibol

E-mail

antvoleibol@gmail.com


Ciclo Internacional de Formação Online (ANTV, 2020)

Programa maio:

bit.ly/cartazantv1

Programa junho/julho:

bit.ly/cartazantv_2

0 visualização

ESPERAMOS SEU CONTATO

+55 71 99960-2226

+55 71 99163-2226

portalbuglatino@gmail.com

  • Facebook - White Circle
  • YouTube - White Circle
  • Tumblr - White Circle
  • Instagram - White Circle