top of page
Buscar
  • Foto do escritorportalbuglatino

Poesia das Causas e dos Efeitos


Fotografia de Berenice Abbott

Guerras que começam e nunca terminam

Segundos para destruir, anos para recuperar

Saudade dolorosa pelos que morreram

Eles foram mas os vemos” por todo o lado


“Fim e começo”

“Depois de cada guerra

alguém tem que fazer a faxina.

Colocar uma certa ordem

que afinal não se faz sozinha.


Alguém tem que jogar o entulho

para o lado da estrada

para que possam passar

os carros carregando os corpos.


Alguém tem que se atolar

no lodo e nas cinzas

em molas de sofás

em cacos de vidro

e em trapos ensanguentados.


Alguém tem que arrastar a viga

para apoiar a parede,

pôr a porta nos caixilhos,

envidraçar a janela.


A cena não rende foto

e leva anos.

E todas as câmeras já debandaram

para outra guerra.


As pontes têm que ser refeitas,

e também as estações.

De tanto arregaçá-las,

as mangas ficarão em farrapos.


Alguém de vassoura na mão

ainda recorda como foi.

Alguém escuta

meneando a cabeça que se safou.

Mas ao seu redor

já começam a rondar

os que acham tudo muito chato.


Às vezes alguém desenterra

de sob um arbusto

velhos argumentos enferrujados

e os arrasta para o lixão.


Os que sabiam

o que aqui se passou

devem dar lugar àqueles

que pouco sabem.

Ou menos que pouco.

E por fim nada mais que nada.


Na relva que cobriu

as causas e os efeitos

alguém deve se deitar

com um capim entre os dentes

e namorar as nuvens.”

Wislawa Szymborska



“IN MEMORIAM”

a Inês Guerreiro

“Como é possível descrever com palavras

os mil murmúrios da alma

quando os mortos nos visitam,

a sua essência sutil

constelada de tantas recordações

que o nosso coração se torna

um vasto mar enfeitiçado?

Hoje foste tu, Inês,

que vieste, com a tua voz

de espuma e de andorinha

falar-me de décors de teatro

impossíveis, de máscaras e de plumas,

como se toda a gente pudesse compreender

a sabedoria do teu universo

de velho carvalho sonhador.

Ah! que saudade, Inês!”

Isabel Meyrelles


51 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page