Japão

Todos os anos tiro alguns dias de férias para viajar. Esta é uma das minhas paixões.

 

“Viajar! Perder países!/ Ser outro constantemente” como diz Pessoa. Adoro a possibilidade de ver outras terras, conhecer outras gentes, sentir outro vento, outro sol, outro mar. Adoro ouvir outras línguas, provar outros sabores e experimentar texturas ainda por tocar. Adoro perder-me nas ruas de uma cidade nova ou explorar os recantos de um lugar recôndito.

 

Em cada uma das viagens que tenho feito, aprendo sempre muito e é por isso que digo que regresso sempre mais rica. Rica em imagens, em partilhas, em conhecimentos, em tantas experiências irrepetíveis…

 

Este ano, a minha aventura foi para bem longe! O Japão fica literalmente do outro lado do mundo e bem posso dizer, como Peter Carey, que “O Japão é um lugar estranho”. Muito estranho é verdade, pela diversidade, loucura e criatividade que encontrei. Mas é mesmo muito estranho pelas coisas diferentes que lé encontrei.

 

Chegar de Portugal e perceber que não existem caixotes do lixo na rua é estranho!! Mas mais estranho é perceber que não estão lá, porque os japoneses não concebem a possibilidade de fazer lixo e de ele estar a perturbar os outros na via pública.

 

Chegar de Portugal e andar em comboios pontuais é estranho! Mas mais estranho é andar em comboios onde há silêncio e onde há uma cabine fechada para que as pessoas possam falar ao telemóvel sem incomodar os outros passageiros.

 

Chegar de Portugal e ter de tirar os sapatos para entrar em casa ou mesmo num restaurante é estranho! Mas perceber que nós entramos com os sapatos sujos de caminhar na rua imunda é muito estranho…

 

É então que começamos a perceber que o outro é estranho apenas porque é diferente, mas que o estranho é viver num país onde não se respeitam as outras pessoas nem os outros espaços. Ali existe a primazia da comunidade e do outro sobre o individual. Ali respeitam-se os mais velhos. Ali respeita-se a natureza. Ali respeita-se a tradição. Ali é um lugar muito estranho…

 

Pela beleza do país, pela harmoniosa convivência da tradição e da modernidade, pela simpatia das pessoas, pela delicadeza da arte, pela tranquilidade dos seus jardins, pela grandeza do monte Fuji, por tudo isto e muito mais, o Japão é um país a conhecer e a visitar!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Recentes

September 18, 2019

September 16, 2019

August 13, 2019

July 2, 2019

May 22, 2019

January 20, 2019

January 16, 2019

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square