top of page
Buscar
  • Foto do escritorportalbuglatino

2 Contos para Glória Maria


Glória Maria. Foto retirada do site G1. Globo

Conto “É FANTÁSTICO!”

TV é fogo. De alguma forma, aquele encantamento de ver as pessoas que trabalham lá, falando com você diariamente, rouba seus olhos.

- Quando espanta, eles já são nossos amigos!

E assim foi. Nem me lembro quando conheci a Glória Maria. Ah, me lembro! Acho que foi quando caiu o Elevador da Paulo de Frontin, pertinho da minha casa - ela enfiava a cabeça dentro do vão de concreto pra dizer que não se via nada.

Aí ela foi na inauguração da montanha russa do Tivoli Park, na Lagoa. Acho que foi a primeira crise de riso, das muitas que eu tive com ela!

- Ai mãe, Ai mãe, Ai mãe... – e eu nunca vi uma mãe ser tão chamada, gritada e clamada! Muito bom! Eu ria de cair do sofá de casa! De fazer xixi na calça!

Saber que ela se foi agora, quando a gente precisava tanto que ela pegasse um avião e fosse lá na terra Yanomami pra nos dizer a verdade verdadeira é... de doer...

Tinha aquela sinceridade que apontava o dedo na nossa cara, nos fazia ver e que agora seria tão necessária... porque ando cheia dessa pós-verdade...

- Se não é verdade, é mentira, não tem meio nessa história!

Ela era assim. Tinha as verdades na ponta da língua. Então, hoje, no primeiro dia da certeza de que vou continuar a viver, sem te ver na TV, o jeito é assumir que alguns de nós, precisamos honrar os que se cansaram antes e precisaram partir.

- Iemanjá precisou vir te resgatar porque uma pessoa de luz merece a luz divina, sem dores, sem sofrimentos. Já estava demais. Sempre penso que é melhor que os mais fortes sofram a perda, do que os mais frágeis sofram mais tempo... isso me consola... Um pedaço do meu coração ficou cheio de lágrimas – felizes por você e tristes por mim – era a hora.

- O Jornal Nacional te aplaudiu por uns 10 minutos, sabia? Quem sabe você não acha os Yanomamis que se foram antes um pouco e conta a história deles? Quem sabe você não mostra nosso coração perplexo pra eles?

Uma pessoa, se deixou muitas sementes, vira exemplo – e o seu solo brasileiro ficou muito bem semeado...

- Fica em paz porque seu caminho é de luz. Você inteira é luz. Inspire suas meninas, tanto quanto nos inspirou.

"Eu sou uma pessoa que quero estar comigo. Sabe por quê? Eu vou morrer. Ninguém vai morrer por mim. Quem vai me julgar hoje, não vai deitar no caixão no meu lugar. O que você quer que eu faça? Que eu vá viver segundo a opinião das pessoas? Não tem como! Eu vou viver do meu jeito". Gloria Maria

Ana Ribeiro, diretora de cinema, teatro e TV


Conto “Glória Maria”

- Estou grávida!

- Que maravilha, Ana! Finalmente! Estou muito feliz por você.

- Também estou feliz, mas começo a ter algumas preocupações...

- Calma, Ana. Calma. Vive o momento, vive cada momento. Quiseste muito ter uma filha e a vida te está dando uma filha. Aprecia...

- Sim, eu sei. Eu estou apreciando. Mas preciso imaginá-la. Preciso e desejo que ela seja alguém que faça bem ao mundo.

- E fará. Cada coisa no seu tempo.

- Não, você não está entendendo. Eu quero que ela seja boa pessoa, forte, corajosa, sensível. Boa profissional.

- Bom, isso dependerá de você, das oportunidades, das pessoas com quem vai conviver, cruzar, trocar.

- Mas também quero que ela seja diferente, que siga seus passos e não os passos do dinheiro ou os passos dos que têm dinheiro e poder.

- Você pode ajudar muito nisso também, mas não esqueça que nem sempre temos a influência que pensamos nas pessoas. Ela será o que veio para ser.

- Sim, isso mesmo. Mas se eu a imaginar assim, como sonho, e se a acompanhar na vida com toda esta vontade e desejo, com comportamento, gestos, palavras, ações, talvez possa ajudá-la a ser alguém que faça diferença, principalmente para as outras mulheres.

- Ela não será o que você quer...

- Eu sei, ela será o que veio para ser, mas poderá ser quem veio para ser em tamanho mundial, planetário, universal. E ao mesmo tempo uma pessoa próxima, sensível, humana, que tranquilamente fará caminhos nunca feitos. Uma referência, um exemplo. Um olho vivo, doce, energia permanente, um sorriso luminoso. Ai sei lá...me empolguei, mas eu imagino e farei tudo para ela ser alguém que se orgulhe do que é e do que faz.

- Faz bem. É muito sonho, mas é bom imaginar tudo isso, porque isso fará você a ajudar a ser isso ou perto disso. Legal!!! Mas você pensa tudo isso e ainda nem nome pensou para a filhota?

- Pensei sim...

- Também pensou? Nossa...essa cabeça está a mil...que bom! E que nome ela vai ter?

- Minha filha terá o nome de uma das mulheres que mais me impressionou na vida...uma mulher que foi tudo isso que falei e muito mais...

- Estou morrendo de curiosidade... Então vai se chamar...?

- Glória Maria!

Ana Santos, professora, jornalista

63 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page